Inflamações da pele | Selecções do Reader's Digest

Inflamações da pele

A dermite é um termo geral que designa qualquer inflamação da pele. Os sintomas são exsudação, descamação, prurido, espessamento e alteração da cor. Entre as muitas causas da dermite, contam-se vários tipos de reacções alérgicas, infecções bacterianas e virais, lesões de origem química, mordeduras de insectos, má circulação, carências vitamínicas e stress.

São formas vulgares desta inflamação a dermite de contacto (reacção a uma substância em contacto com a pele) e a dermite atópica, ou eczema, associada a
alergias como asma e febre-dos-fenos.

Diagnóstico e exames complementares

Antes de fazer um diagnóstico de dermite, o médico regista a história completa do doente e informa-se acerca de alergias conhecidas, dieta, medicamentos, estilo de vida, viagens recentes, condições de trabalho e fontes de stress. Todas as preparações utilizadas normalmente sobre a pele, como cosméticos, desodorizantes, loções para depois da barba e águas-de-colónia, também são analisadas.

Em seguida, o médico fará um exame da pele de todo o corpo, incluindo o couro cabeludo e unhas das mãos e dos pés, e pode pedir alguns testes, entre os
quais culturas bacterianas, biopsia da pele e testes para identificação de alergias cutâneas. Algumas áreas da pele podem ser examinadas com luz ultravioleta para detectar possíveis infecções fúngicas. Se os sintomas de dermite forem graves, pode ser necessário enviar o doente a um dermatologista (especialista da pele).

Tratamentos médicos

O tratamento depende do diagnóstico. Pode ser receitado um creme ou pomada à base de cortisona para aliviar o prurido e a dor e, em casos especialmente graves, um tratamento limitado com corticosteróides por via oral. Existem à venda pós, sabonetes, loções, cremes e pomadas de venda livre para aliviar o prurido
e as gretas da pele. Muitos médicos recomendam loção de calamina para crises de dermite ligeira. As infecções secundárias provocadas pelo coçar podem ter que ser tratadas com antibióticos orais ou tópicos.

Medicinas alternativas

Aromaterapia

Massagens do corpo com óleos aromáticos calmantes, como rosa, salva-esclareia ou hortelã-pimenta, que aliviam o prurido e promovem o relaxamento, podem ser úteis no caso de dermite relacionada com o stress.

Fitoterapia

O sumo de aloés é um calmante para algumas erupções e inflamações cutâneas. A morugem-vulgar, utilizada como unguento, creme ou óleo adicionado à água do banho, alivia o prurido e estimula a cicatrização. Outros remédios à base de plantas para a dermite incluem loções ou unguentos de consolda-maior, pau-d’arco, urtiga, trevo-violeta, hamamélia e sabugueiro.

Hidroterapia

Adicionar bicarbonato de sódio à água do banho pode ajudar a aliviar o prurido.

Terapia pela nutrição

Alguns terapeutas recomendam comprimidos de bodelha, bem como suplementos de vitaminas do complexo B, vitamina E e zinco. Os nutricionistas conseguem muitas vezes identificar as deficiências dietéticas e alergias alimentares que provocam dermite, como é frequentemente o caso do glúten. Para determinar se os seus problemas alérgicos estão relacionados com o glúten, elimine o trigo, o centeio, a aveia e a cevada da alimentação durante seis semanas e veja se a situação melhora.

Técnicas de relaxamento

Muita formas de dermite, sobretudo eczema e a urticária, são desencadeadas pelo stress. A aprendizagem de técnicas de biofeedback exercícios respiratórios e meditação, bem como o aconselhamento sobre modificação do comportamento, podem ser formas eficazes de ultrapassa muitos problemas de pele frequentemente exacerbados por factores emocionais.

Tratamento em casa

Os cremes antipruriginosos de venda livre, os cremes à base de cortisona também de venda livre ou remédios caseiros, como os descritos a seguir, são em geral
eficazes para tratar a dermite. Se o problema, sobretudo um erupção, não melhorar ou se agravar ao fim de alguns dias consulte um dermatologista.

Tente determinar a causa do problema e evite-a sempre que possível. Certos alimentos, bijutaria, cosméticos, sabonetes e detergentes são causas vulgares
de dermite. Em qualquer caso proteja a pele de substâncias químicas que possam agravar a dermite já existente ou desencadear novos surtos.

Tente não coçar para não agravar a inflamação. Use um sabonete suave sem
medicamentos incorporados e água morna para evitar que a pele, privada do óleo necessário, fique muito seca. Tome banho ou duche em dias alternados, sobretudo no Inverno. Use água morna em vez de quente e aplique um hidratante não-irritante com a pele ainda húmida.

Vote it up
10
Gosta deste Artigo?Vote!

Faça um Comentário

  

 

 

 

Loja

 

Magnesium€ 39,60

1001 remédios caseiros Prostate € 54,90
Brain Essentials € 29,85 Termómetro Digital Beurer FT 60 € 49,95
Ultramax Collagen€ 39,60 Gingko-Go!€ 34,95
Visite o site das Marcas de Confiança

 

 

 

 
 
 

Newsletter

Precisa-se: Uma Boa História!

Escreva-nos e poderá ganhar:

50€ por cada história verídica e inédita que for publicada em Flagrantes da Vida Real.
20€ por cada texto publicado em Rir é o Melhor Remédio.

Envie-nos!

 

 
 

Newsletter